Início / Política / Governo vai intensificar diálogo com Congresso para aprovar ajuste fiscal

Governo vai intensificar diálogo com Congresso para aprovar ajuste fiscal

O ministro disse também que o governo está aberto a sugestões dos parlamentares. “Quando o governo se abre ao diálogo, tem que acatar sugestões. Foi mandada uma proposta, o governo tem avaliado as propostas feitas em cima da original e, naquilo que não descaracteriza os fundamentos do ajuste, o governo está aberto e tem dialogado”, disse.

Semanalmente, a presidenta reúne o grupo que integra a coordenação política para discutir os temas de interesse do governo. Hoje, os ministros da área de econômica, Joaquim Levy, da Fazenda, e Nelson Barbosa, do Planejamento, também participaram.

O ministro Edinho Silva também acredita que foi positivo o impacto dos vídeos da presidenta Dilma divulgados nas redes sociais no 1° de maio, Dia do Trabalhador. Pela primeira vez, a presidenta não fez um pronunciamento em cadeia de rádio e TV, preferindo se manifestar por meio das redes. “É uma experiência nova para o governo, para os internautas, e o balanço foi positivo. Vamos intensificar o diálogo não só da presidenta, mas de outros integrantes do governo”, disse.

Estiveram também na reunião de coordenação política os ministros da Casa Civil, Aloizio Mercadante, da Ciência e Tecnologia, Aldo Rebelo; da secretaria de Aviação Civil, Eliseu Padilha, das Cidades, Gilberto Kassab; da Defesa, Jaques Wagner da secretaria-geral, Miguel Rossetto e das Comunicações, Ricardo Berzoini.

Agora à tarde, o vice-presidente Michel Temer vai se reunir com líderes de partidos da base aliada do governo e deve tratar das negociações para a aprovação da Medida Provisória 664, que altera normas de pensão, e da Medida Provisória 665, que altera as regras do seguro-desemprego, seguro defeso e abono salarial.

Comentários

comentários

Veja Também

Publicação da ata da convenção municipal do Partido dos Trabalhadores

Publicação da ata da convenção municipal da comissão provisória de Maraú do Partido dos Trabalhados …

Deixe uma resposta

error: Conteúdo pertence ao grupo Maraú Notícias!