Início / Mundo / Polícia prende dois suspeitos de colaborar com autor de atentado em Copenhague

Polícia prende dois suspeitos de colaborar com autor de atentado em Copenhague

A polícia prendeu dois homens supeitos de colaborar com o responsável pelos atentados do fim de semana em Copenhague, Dinamarca, quando duas pessoas morreram e cinco policiais ficaram feridos. A

polícia local não divulgou o lugar e as circunstâncias das detenções.

Ontem (15), a polícia da Dinamarca divulgou informações sobre a identidade do suposto autor dos atentados. O jovem, de 22 anos, nasceu na Dinamarca e era conhecido pela polícia pelo histórico de roubos e violação das leis dinamarquesas, posse de armas e envolvimento com gangues locais. Ele foi morto por volta das 5h de domingo, após disparar contra a polícia no distrito de Norrebro, a noroeste da capital.

O atentado ocorreu durante a tarde de sábado (14) num centro cultural, durante um debate sobre a liberdade de expressão com o artista sueco Lars Vilks, que vive há anos sob proteção policial devido às ameaças de grupos islâmicos depois de desenhar Maomé como um cachorro. Uma pessoa de 55 anos morreu e três agentes ficaram feridos neste atentado.

Posteriormente, ocorreu novo tiroteio na sinagoga de Copenhague, quando morreu um jovem judeu, que fazia a proteção do edifício, e dois policiais ficaram feridos.

*Com informações da Agência Lusa

Comentários

comentários

Veja Também

EUA suspendem isenção de vistos para 38 países de três continentes

Os Estados Unidos anunciaram hoje (16) que irão modificar as regras para isenção de vistos …

Deixe uma resposta

error: Conteúdo pertence ao grupo Maraú Notícias!