Início / Mundo / Secretário de Estado norte-americano visita hoje Kiev

Secretário de Estado norte-americano visita hoje Kiev

O secretário de Estado norte-americano, John Kerry, visita hoje (5) a Ucrânia, tendo reuniões agendadas em Kiev com o presidente Petro Poroshenko e o primeiro-ministro Arseni Iatseniouk. Os Estados Unidos estão

avaliando uma eventual entrega de armamento ao país para ajudar Kiev a resistir aos separatistas pró-russos que controlam a Região Leste.

Ash Carter, nomeado no início de dezembro de 2014 pelo presidente norte-americano Barack Obama para o cargo de secretário de Defesa, em substituição a Chuck Hagel, afirmou ser favorável a uma eventual entrega de armamento aos ucranianos.

“Estou inclinado a seguir nessa direção, porque acho que devemos ajudar os ucranianos a se defender”, declarou Ash Carter, quando questionado pelo presidente da comissão das Forças Armadas do Senado (câmara alta do Congresso norte-americano), o republicano John McCain, sobre o envio de “armas defensivas” para Kiev.

“Sobre a natureza dessas armas, não posso neste momento pronunciar-me, ainda não falei” sobre o assunto com o Pentágono (Departamento de Defesa) ou com os líderes ucranianos, indicou Carter, que aguarda a confirmação do Senado para assumir as novas funções.

Washington, que acusa a Rússia de armar os rebeldes (acusação que Moscou rejeita), tinha afastado até o momento a hipótese de fornecer armamento a Kiev, limitando a ajuda a uma assistência militar não letal, com a entrega de radares, coletes à prova de bala e equipamento médico, entre outros itens.

Durante a visita a Kiev, John Kerry vai encontrar-se ainda com o seu colega ucraniano, Pavlo Klimkine.

Os encontros na capital ucraniana terão como objetivo avaliar de que forma os Estados Unidos e a Ucrânia podem trabalhar em conjunto para reduzir a tensão na área, afirmou, no dia 30 de janeiro, a porta-voz do Departamento de Estado, Jennifer Psaki.

Segundo ela, a visita do secretário de Estado vai reforçar o apoio inabalável dos Estados Unidos à Ucrânia e aos seus cidadãos.

Comentários

comentários

Veja Também

EUA suspendem isenção de vistos para 38 países de três continentes

Os Estados Unidos anunciaram hoje (16) que irão modificar as regras para isenção de vistos …

Deixe uma resposta

error: Conteúdo pertence ao grupo Maraú Notícias!