Início / Mundo / Rebeldes do Iêmen deixam palácio do governo após acordo com presidente

Rebeldes do Iêmen deixam palácio do governo após acordo com presidente

O presidente do Iêmen, Abdrabuh Mansur Hadi, e os rebeldes xiitas, que tomaram ontem (20) o palácio presidencial, chegaram hoje (21) a acordo para o fim da crise no país,

após vários dias de violência na capital. A informação é da agência de notícias Saba.

Segundo o acordo, os rebeldes huthis abandonarão o palácio presidencial e libertarão o chefe de gabinete do presidente, sequestrado no sábado. Em troca, o projeto da Constituição, ao qual os huthis se opunham, poderá ser melhorado.

Os rebeldes entraram ontem no complexo presidencial, depois de terem cercado a residência do primeiro-ministro. O Conselho de Segurança da ONU e o Conselho de Cooperação do Golfo condenaram o “golpe de força” dos huthis e garantiram apoio ao presidente do Iêmen, que viu seu poder fragilizado com a entrada, em 21 de setembro, dos milicianos xiitas na capital, Sana.

 

Comentários

comentários

Veja Também

EUA suspendem isenção de vistos para 38 países de três continentes

Os Estados Unidos anunciaram hoje (16) que irão modificar as regras para isenção de vistos …

Deixe uma resposta

error: Conteúdo pertence ao grupo Maraú Notícias!