Início / Brasil / Professores do Paraná só decidem na próxima semana se voltam ao trabalho

Professores do Paraná só decidem na próxima semana se voltam ao trabalho

O Sindicato dos Professores do Paraná (APP-Sindicato) decidiu hoje (26) convocar assembleia da categoria na próxima quarta-feira (4), em Curitiba, para avaliar as propostas apresentadas pelo governo do Estado e decidir se encerram a greve na rede pública estadual, iniciada no dia 7 deste mês.

O Governo do Paraná alega que atendeu as demandas apresentadas pelo sindicato, diz que a rede estadual está pronta para a retomada das aulas e espera que os professores voltem para as salas na próxima segunda-feira.

A greve afeta 970 mil alunos das 2,1 mil escolas estaduais, segundo o governo.

Os grevistas conseguiram o pagamento da rescisão contratual dos professores temporários, a garantia do pagamento do terço de férias dos professores da educação básica e das instituições de ensino superior do Estado até 31 de março. O governo também informou que vai convocar mil professores e pedagogos aprovados em concurso, entre outras medidas.

O principal impasse entre o governo e os grevistas é a questão das progressões e promoções, segundo o presidente do APP-Sindicato, Hermes Leão: “O governo deve progressão e promoção de funcionários e professores. Eles só falaram que vão implementá-las em maio e junho, mas não apresentaram como pagar o atrasado. Isso foi muito mal recebido, e muitas pessoas não têm confiança se o que o que governo diz será efetivado”.

O governo diz que vai abrir debate sobre pagamento de atrasados. “Não existem mais razões administrativas, operacionais e financeiras que impeçam o início do ano letivo. O governo fez todo o possível para resolver a situação do magistério. Agora temos que voltar para as salas de aula para que os alunos não sejam prejudicados ainda mais”, afirmou o secretário da Casa Civil, Eduardo Sciarra.
 

Comentários

comentários

Veja Também

Prazo para pagamento do Simples Doméstico é prorrogado até 21 de novembro

O Diário Oficial da União publicou a portaria que prorroga para 21 de novembro o …

Deixe uma resposta

error: Conteúdo pertence ao grupo Maraú Notícias!