Início / Brasil / Movimento Passe Livre encerra manifestação em frente ao Ibirapuera

Movimento Passe Livre encerra manifestação em frente ao Ibirapuera

Após mais de três horas de passeata, a manifestação convocada pelo Movimento Passe Livre (MPL) na capital paulista terminou por volta das 21h30 no Monumento às Bandeiras, em frente ao Parque

Ibirapuera e ao lado da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp). Segundo cálculo do movimento, quase 10 mil pessoas participaram do ato. De acordo com a Polícia Militar (PM), foram mil manifestantes, acompanhados por um efetivo de 800 policiais.

A passeata teve início por volta das 18h20 no vão livre do Museu de Arte de São Paulo (Masp), na Avenida Paulista, e seguiu até a residência do prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, na região do Paraíso. Os manifestantes levantaram uma catraca de ônibus e fizeram um jogral em frente ao prédio. Entre outras palavras de ordem, os ativistas gritaram “agora é de três para baixo”, em referência ao preço das passagens; e “ei, Haddad, vai pegar busão”.

A passeata continuou, acompanhada de forte efetivo da polícia, e tomou todas as faixas da Avenida 23 de Maio, no sentido do aeroporto de Congonhas. Depois seguiu para a Alesp e terminou no Monumento às Bandeiras. A PM disse que houve pichação no local e prendeu dois manifestantes que estavam com “bolas de gude e latas de spray”. Eles foram encaminhados para o 78º Distrito Policial.

Esta foi a sexta manifestação contra o aumento da tarifa do transporte público (trem, metrô e ônibus) em São Paulo convocada pelo MPL. O movimento pressiona prefeitura e estado a adotarem o transporte coletivo gratuito para todas as pessoas.

Comentários

comentários

Veja Também

Prazo para pagamento do Simples Doméstico é prorrogado até 21 de novembro

O Diário Oficial da União publicou a portaria que prorroga para 21 de novembro o …

Deixe uma resposta

error: Conteúdo pertence ao grupo Maraú Notícias!