Início / Brasil / Homem desaparece em deslizamento causado pela chuva no Recife

Homem desaparece em deslizamento causado pela chuva no Recife

A chuva que caiu neste sábado, na região metropolitana de Recife, pelo segundo dia seguido, causou um deslizamento de barreira e deixou um homem desaparecido desde a meia-noite destte domingo (17). O fato ocorreu no Córrego do Euclides, zona norte da capital pernambucana. A busca por João Agostinho da Silva, 38, atravessou a noite e continua nesta manhã, ainda sem sucesso.

De acordo com a assessoria da Defesa Civil do Recife, o que dificulta as buscas é uma árvore grande caída em uma casa, além de toda a lama da barreira. Oitenta profissionais trabalham para encontrar João, entre bombeiros, policiais militares e técnicos da Defesa Civil. Uma retroescavadeira também é usada, embora avance com cautela para evitar que o homem seja ferido pela máquina, caso esteja vivo.

João Agostinho mora na na comunidade de Boqueirão e bebia com um amigo no momento do desastre. A outra vítima, José Samuel da Silva, foi resgatada com ferimentos leves e, de acordo com a Defesa Civil, foi encaminhado a uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e passa bem.

Fim de semana de ocorrências

Desde a sexta-feira (15) a Defesa Civil da capital de Pernambuco alerta para riscos de desastres por causa da chuva. Nas doze primeiras horas – tempo em que choveu o equivalente a 12 dias, de acordo com a Prefeitura, foram atendidas 177 ocorrências no Recife, embora nenhuma tenha sido grave. Cerca de 60 pedidos foram feitos para a instalação de lonas de proteção para evitar a queda de barreiras em locais de risco.

O único acidente com vítima, até ontem, tinha acontecido no bairro da Várzea, zona oeste do Recife; um deslizamento de barreira deixou duas crianças levemente feridas. Além disso, vinte famílias ficaram desabrigadas por causa do transbordamento do Rio Morno, no bairro de Nova Descoberta. A prefeitura informou que a Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos do Recife entregou cestas básicas e colchões.

De acordo com a Coordenadoria de Defesa Civil de Pernambuco, também houve registro de ocorrências em outras cidades da região metropolitana do Recife. Quedas de barreira ocorreram em Olinda, São Lourenço e Camaragibe, todas sem vítimas.


fonte: Agência Brasil

Comentários

comentários

Veja Também

Justiça nega pedido de suspensão e mantém Enem em duas datas diferentes

do UOL A juíza Federal Elise Avesque Frota, substituta da 8ª Vara Federal do Ceará, …

Deixe uma resposta