Início / Brasil / Pernambuco registra nove mortes por chikungunya em 2016

Pernambuco registra nove mortes por chikungunya em 2016

Mosquito Aedes aegypti

Mosquito Aedes aegypti, transmissor das arboviroses – dengue, zika e chikungunyaArquivo/Agência Brasil

Sobre para nove o total de mortes de pessoas infectadas por chikungunya confirmadas em Pernambuco só em 2016. A última divulgação da Secretaria Estadual de Saúde, feita na semana passada, indicava dois óbitos ligados à doença.

As mortes foram registrados em datas anteriores, mas o resultado dos exames saiu somente agora. Recife registrou cinco óbitos, e os municípios de Jaboatão dos Guararapes, Igarassu, Vitória de Santo Antão e Timbaúba contabilizaram uma morte uma cada. Quatro foram de pessoas com mais de 60 anos; três tinham entre 40 e 59 anos; uma era adolescente e a outra era uma criança de 1 a 4 anos.

As informações são da Secretaria Estadual de Saúde, que divulgou ontem (6) mais um boletim semanal de arboviroses – as três doenças transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti: dengue, chikungunya e zika. No total, são 153 óbitos suspeitos decorrentes de arboviroses. Em relação a 2015, quando foram registrados 15 mortes suspeitas, o aumento é superior a 1000%. Os resultados, no entanto, não indicam que as mortes foram ocasionadas pelas doenças, mas apenas que os vírus foram encontrados em amostras biológicas dos pacientes.

O boletim também traz os números dos casos registrados das três arboviroses. Para chikungunya foram 15.332 notificações, das quais 340 estão confirmadas e 423, descartadas. O número já ultrapassa o total de todo o ano passado, quando foram comunicados 2.605 suspeitas, 450 confirmações e 589 alarmes falsos. Para dengue, são 50.030 casos suspeitos, com 7.232 confirmações e 5.755 descartes desse total, e 7.900 registros para zika vírus, dos quais 16 confirmados e 124 descartados.


fonte: Agência Brasil

Comentários

comentários

Veja Também

Prazo para pagamento do Simples Doméstico é prorrogado até 21 de novembro

O Diário Oficial da União publicou a portaria que prorroga para 21 de novembro o …

Deixe uma resposta

error: Conteúdo pertence ao grupo Maraú Notícias!