Início / Brasil / Metroviários adiam greve em São Paulo

Metroviários adiam greve em São Paulo

Os metroviários do estado de São Paulo decidiram neste noite (26), em assembleia, adiar a greve para terça-feira (2 de junho). Haverá nova assembleia na noite de segunda (1) para ratificar a decisão.

Os trabalhadores resolveram esperar a próxima audiência de conciliação do TRT (Tribunal Regional do Trabalho), entre Companhia do Metropolitano de SP e os metroviários, marcada para para 1º de junho, na expectativa de sensibilizar o governo de SP para as reivindicações da categoria.

O TRT propôs reajuste salarial de 8,82%. O mesmo reajuste seria aplicado ao vale-alumentação e à participação nos lucros. O presidente do sindicato dos metroviários, Altino de Melo Prazeres, disse que “a proposta do tribunal é insuficiente, mas dá para trabalhar”.

Segundo Altino, o TRT pediu que a categoria aguardasse a próxima audiência de conciliação para decidir por deflagrar uma greve ou não. Em nome da diretoria do sindicato e conselho consultivo, ele disse “concordamos em esperar até segunda”.

Os trabalhadores presentes também concordaram e votaram por adiar a greve.

Comentários

comentários

Veja Também

Prazo para pagamento do Simples Doméstico é prorrogado até 21 de novembro

O Diário Oficial da União publicou a portaria que prorroga para 21 de novembro o …

Deixe uma resposta

error: Conteúdo pertence ao grupo Maraú Notícias!