Itacaré em Ponto de Equilíbrio

O reggae toma conta da cidade do surf no dia 1º de novembro

PontodeEquilibrio1foto_banda

Itacaré vai literalmente encontrar o Ponto de Equilíbrio. Isso porque, a banda que é uma dasmaiores de reggae no país, desembarca no sul da Bahia no dia º de novembro para apresentar o melhor do gênero que tornou o grupo bastante respeitado no ritmo criado pelo lendário Bob Marley. A banda se apresenta no encerramento da 7ª edição do Surf Eco Festival, a partir das 20 horas.

Com mais de 15 anos de estrada, o grupo comandado pelo vocalista Hélio Bentes, leva para Itacaré o reggae raiz com letras que discutem problemas sociais com base entre o melhor da cultura jamaicana com o tempero de Vila Isabel. No repertório, grandes sucessos conhecidos nacionalmente como “Abre a Janela”, “Coisa Feia”, “Novo Dia”, entre outras que compuseram o DVD ‘Juntos Somos Fortes’.

 

Com realização da Dendê Produções, o evento ainda recebe as apresentações de O Rappa, Strike e Massa Sonora em uma arena montada na entrada da cidade especialmente para os shows. Com apresentação da Skol, o Surf Eco Festival 2014 tem o patrocínio da Petrobrás, Bahiatursa e Prefeitura Municipal de Itacaré.

 ponto-de-equilibrio-dvd-foto-joc3a3o-paulo-racy

Ponto de Equilíbrio

Desde de 1999, criada na Vila Isabel (Rio de Janeiro), o  grupo mantém a formação inicial com o vocalista Helio Bentes, André Sampaio na guitarra solo e backing vocals, Lucas Kastrup na bateria, Marcio Sampaio na guitarra rítmica, Pedro “pedrada” Caetano no baixo, Tiago Caetano nos teclados e backing vocals e Marcelo “Gracia” campos na percussão. A banda Ponto de Equilíbrio dialoga com diversas vertentes musicais entre Brasil, Jamaica e áfrica, e entre o autêntico Reggae Roots e hits radiofônicos atuais. As letras enfatizam a importância da igualdade social, o ponto busca o equilíbrio do homem, perante ao meio ambiente atual.

 

Surf Eco Festival

O sul da Bahia, mais precisamente a cidade de Itacaré, recebe mais uma vez o Surf Eco Festival. Pelo segundo ano consecutivo, a competição internacional desembarca no litoral baiano e será realizada novamente na paradisíaca Praia da Tiririca. Compondo o World Qualifying Series da Association of Surfing Professionals (ASP), a disputa acontece entre os dias 27 de outubro e º de novembro. A etapa da Bahia, a mais antiga do torneio, novamente deverá reunir atletas de diversos países no mundo competem pelo ASP Qualifying Series masculino e feminino e distribuirá uma premiação total de US$ 125 mil entre as categorias, além dos títulos e pontuações no ranking mundial. O Surf Eco Festival é considerado o maior evento de surf do Norte/Nordeste, chega com status de competição quatro estrelas Masculino e também quatro estrelas Feminino, válido como etapa essencial do circuito mundial de acesso.

 

Itacaré – Situada na Costa do Cacau, ao sul de Salvador, a pequena cidade abriga uma grande variedade de belezas naturais: praias maravilhosas, cachoeiras deslumbrantes, Mata Atlântica preservada, rios, manguezais e as melhores ondas da Bahia. Itacaré tem uma formação geológica única no Nordeste Brasileiro. O litoral é formado por uma sucessão de praias e morros cobertos por coqueirais e mata preservada. Em poucos lugares do mundo a natureza foi tão generosa, oferecendo um conjunto de atrações tão diversas em um único lugar. É um cenário perfeito para esportes de aventura como, surf, rafting, parapente, mountain bike, tirolesa e arvorismo. (Ubaitaba.com) 

 

SERVIÇO

Surf Eco Festival 2014

Atrações: O Rappa – Ponto de Equilíbrio – Strike – Massa Sonora

Data: º de novembro – (sábado)

Local: Itacaré

Hora: 20h

Ingresso: R$ 40 (Pista) / R$ 80 (Camarote)

Censura: 16 anos

Realização: Dendê Produções


Marina defende liberdade e respeito à orientação sexual

A candidata à Presidência da República pelo PSB, Marina Silva, disse, em entrevista coletiva nesta tarde em Caruaru (PE), que as declarações do candidato pelo PRTB, Levy Fidélix, no debate de ontem (28) na TV Record são “inceitáveis do ponto de vista de qualquer que seja a circunstância”.

Marina disse que Levy Fidélix “fez uma declação inaceitável do ponto de vista de uma visão de completa intolerância com a diversidade social, cultural que caracteriza o nosso país, com o respeito que se deve ter às pessoas independente da questão social, independente da cor e da orientação sexual”  

A candidata disse ainda que a Rede Sustentabilidade “está avaliando com nossos advogados entrar com uma ação na Justiça em função de as declarações do candidato serem claramente declações contrátrias ao respeito à diversidade, declarações de fato homofóbicas”.

No debate desse domingo, o candidato do PRTB respondeu a uma pergunta feita pela também presidenciável Luciana Genro (PSOL), dizendo que homossexuais precisam de atendimento psicológico e que “aparelho excretor não reproduz”. Ele chegou a comparar a homossexualidade à pedofilia.   

Nesta noite, em comício no Recife, Marina voltou a falar na questão. “Aprendi a respeitar a diferença. Em 16 anos de Senado, nunca vai me ver fazendo qualquer coisa que desrespeite os direitos humanos, que promova o preconceito, que faça qualquer coisa nessa direção”, disse.

Marina defendeu o Estado laico como uma conquista na defesa da liberdade, disse que se sustenta na própria fé e que ela tem sido “muito combatida”. No discurso argumentou que nunca misturou a vida política com a religiosa. “Nunca fiz do altar um palanque e nunca fiz do palanque um púlpito ou um altar. Aprendi que valores, referências não se expressam no discurso, têm que se expressar na prática, na vida, o melhor discurso é a vida que se vive”.

Nessa segunda, atendendo a um pedido do candidato à Presidência, Eduardo Jorge (PV), o PV protocolou no Ministério Público uma representação contra Levy Fidelix por suas declarações homofóbicas no debate da Rede Record que pede que se instaure um inquérito ou um processo crime pelo desrespeito à dignidade humana e igualdade de direitos. “O jurídico do PV também está estudando para amanhã [hoje] uma ação no TSE [Tribunal Superior Eleitoral”, disse Jorge.

Editor Fábio Massalli

Agência Brasil

Gongogi: Evento discutirá Educação Inclusiva nesta quarta-feira

A Secretaria Municipal de Educação de Gongogi realiza, a partir desta 9h desta terça-feira (30), Palestras sobre Educação Inclusiva.

Palestras começarão a partir das 9h desta terça-feira

Palestras começarão a partir das 9h desta terça-feira

O evento, que acontece no Centro de Referência em Assistência Social (Cras), terá como palestrante o professor Mestre Joabe Ramos, que discutirá o tema Direito à Educação Inclusiva: por uma escola e um mundo para todos; e Glória Damasceno, que palestrará sobre o que é BPC na Escola. Na sequência ainda haverá Mesa Redonda com a presença de diversos estudiosos do assuntos e também visita aos stands de Deficiente Auditivo, Deficiente Visual e Deficiente Intelectual. O evento será aberto a toda a comunidade. (Ubatã Notícias)

UBAITABA.COM – Sempre Atualizado. » SUL DA BAHIA

Prefeito de Itagibá acredita em vitória de Rui Costa no 1º turno

O prefeito de Itagibá, Marcos Barreto (Marquinhos), está otimista quanto a campanha de Rui Costa para o governo do estado. Em entrevista ao Giro, na manhã desta segunda(29), o gestor itagibense disse que o candidato do PT se elege no primeiro turno.

Prefeito disse que pesquisas do Ibope são tendenciosas (Foto:Giro em Ipiaú)

Prefeito disse que pesquisas do Ibope são tendenciosas (Foto:Giro em Ipiaú)

Marquinhos acredita que os eleitores de Dilma farão o “voto casado” com Rui Costa. Para o prefeito, as pesquisas do Ibope são tendenciosas e serão, mais uma vez, desacreditadas com o resultado do próximo domingo, dia 05 de outubro, quando ocorre as eleições. Assim como Marcos Barreto, o candidato Rui Costa também mostra confiança em uma virada histórica na Bahia. ” “Não tenho dúvida que ganharemos no dia 5. Essa convicção minha aumentou com o desespero deles. Essa operação de disseminação de mentiras que eles fizeram é a típica ação dos desesperados, de quem não tem argumento”, contou o candidato em entrevista ao Tribuna da Bahia. (Giro em Ipiaú)

UBAITABA.COM – Sempre Atualizado. » SUL DA BAHIA

Buenos Aires reage a juiz que declara Argentina em estado de desacato

O governo argentino reagiu à decisão do juiz norte-americano Thomas Griesa, que declarou hoje (29) a Argentina em estado de “desacato”. Em nota, o governo acusa Griesa de violar “o direito internacional, da Carta das Nações Unidas e da Carta da Organização dos Estados Americanos”.

Na decisão, Griesa considerou que o pais não cumpriu sua sentença, favorável aos chamados fundos “abutres” – aqueles que compraram títulos da dívida argentina a preços baixos, depois do calote de 2001, e abriram processo para cobrar o devido sem desconto.

A sentença de Griesa obriga a Argentina a pagar o valor integral dos títulos da dívida que pertencem a um grupo de fundos abutres, que representa 1% dos detentores de papeis argentinos: cerca de US$ 1,6 bilhao, incluindo os juros atrasados. Com o calote de 2001, a Argentina perdeu acesso a créditos estrangeiros mas, ainda assim, conseguiu pagar o que devia ao Fundo Monetario Internacional (FMI) e renegociar a dívida com o Clube de Paris e a maior parte dos credores.

Em 2005 e 2010, a Argentina negociou acordos com 93% dos detentores de títulos da dívida, que aceitaram receber o devido em 30 anos, com descontos de até 65%, e vem pagando os vencimentos regularmente – até julho passado. Por decisão de Griesa, o dinheiro depositado no Banco de Nova York, que deveria ter sido entregue aos credores da dívida reestruturada, foi bloqueado. O juiz quer que, antes ,a Argentina cumpra a sua sentença.

Sem poder pagar o vencimento de 30 de julho, a Argentina deu um calote “técnico” – o segundo desde 2001. Mas, dessa vez, o país tinha dinheiro e se dispôs a pagar, tanto que fez um depósito judicial no Banco de Nova York. Mas o país não pôde efetivar o pagamento, devido à ordem judicial.

O governo reagiu enviando ao Congresso um projeto de lei, que foi aprovado, criando uma opção para pagar os credores da dívida reestruturada em Buenos Aires – desde que aceitem trocar a jurisdição norte-americana pela argentina. Griesa disse que essa manobra era “ilegal”, mas o juiz não determinou se haverá sanções contra o país.

 

Editor Stênio Ribeiro

Agência Brasil

Prédio onde funciona sede do comitê central de Dilma pega fogo

Bombeiros controlam fogo que atingiu o prédio onde fica o comitê nacional de campanha do PT (Valter Campanato/Agência Brasil)

Segundo testemunhas, o prédio foi evacuado assim que o incêndio começou e ninguém se feriuValter Campanato/Agência Brasil

Um incêndio atingiu o oitavo andar do edifício onde funciona a sede do comitê central da campanha da candidata Dilma Rousseff em Brasília (DF), por volta das 18h30 desta segunda-feira. O fogo já foi controlado. Segundo testemunhas, o prédio foi evacuado assim que o incêndio começou e ninguém se feriu.

De acordo com síndico do prédio, Mário Ferreira, o edifício, construído há 20 anos, não tem alarme de incêndio e as pessoas souberam do fogo quando viram a fumaça. “O nobreak de uma empresa de eventos começou a pegar fogo. As pessoas ficaram apavoradas e desceram pra chamar os seguranças, que ligaram para o Corpo de Bombeiros”, disse.

O médico José Costa, que trabalha no mesmo andar onde aconteceu o incêndio, diz que soube do fogo quando ouviu os gritos de pessoas do prédio vizinho. “Eu estava com um paciente e descemos desesperados. Aí os brigadistas desse e de outros prédio correram para tentar apagar o fogo, mas tiveram que chamar os bombeiros”, contou. De acordo com Costa, os bombeiros tiveram dificuldades para chegar ao prédio, devido à quantidade de veículos estacionados ao redor.

 

Editor Fábio Massalli

Agência Brasil

Ministro do TSE suspende trecho da propaganda de Marina no rádio

banner_eleições

O ministro Herman Benjamin, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), determinou hoje (29) a suspensão de um trecho da propaganda eleitoral da Coligação Unidos pelo Brasil, da candidata Marina Silva (PSB), no rádio. O ministro atendeu pedido da Coligação Com a Força do Povo, da candidata à reeleição Dilma Rousseff (PT), que alegou veiculação de conteúdo ofensivo.

De acordo com a representação, no dia 25 de setembro, o programa de Marina Silva disse que o suposto esquema de corrupção na Petrobras financia a base aliada de Dilma. A propaganda também citou o depoimento de delação premiada do ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa.

Na decisão, o ministro Herman Benjamin entendeu que a Coligação Unidos pelo Brasil ofendeu o PT e a candidata à reeleição. “Embora o escândalo da Petrobras venha sendo amplamente divulgado na mídia, o que até permitiria exploração na propaganda eleitoral, no caso específico parece, em primeira análise, haver realmente excesso, porque se afirma, de maneira categórica e sem atribuição de fonte, algo que não é de conhecimento público, já que depoimentos na delação premiada em questão ainda permanecem sob sigilo”, disse.

 

Editor Stênio Ribeiro

Agência Brasil

Eleições 2014 terão o triplo de mesários voluntários

banner_eleições

As eleições que ocorrerão no próximo domingo (5) terão a colaboração de 1,3 milhão de voluntários, de um total de 2,4 milhões de mesários que vão trabalhar, auxiliando os eleitores. O número de alistamentos espontâneos este ano é quase três vezes maior do que o das últimas eleições gerais, em 2010, quando 404,7 mil mesários trabalharam voluntariamente – o total era 2,1 milhões de pessoas.

O aumento no número de cidadãos dispostos a trabalhar espontaneamente nas eleições é resultado de um programa de incentivos da Justiça Eleitoral, que começou em 2004. Os voluntários puderam se inscrever nos cartórios eleitorais, ou preencheram cadastro nos sites dos tribunais regionais eleitorais ou do Tribunal Superior Eleitoral. Os cidadãos que estão em situação regular com a Justiça Eleitoral e têm nível superior tiveram preferência na seleção.

Eles não serão remunerados pelo serviço, mas poderão tirar dois dias de folga no trabalho para cada dia trabalhado nas eleições – independente de serem servidores públicos ou privados. Além disso, no dia do pleito os mesários recebem auxílio-alimentação, e o voluntariado poderá contar como critério de desempate em concursos públicos que incluírem essa possibilidade no edital.

Por outro lado, as pessoas que receberam a convocação pelo correio e não comparecerem às zonas de votação para trabalhar no próximo dia 5, poderão ser punidas com multas e até seis meses de prisão. Antes, contudo, elas terão 30 dias para apresentar justificativa à Justiça Eleitoral.

Os mesários são responsáveis por organizar a seção eleitoral, identificar os eleitores, autorizá-los a votar, operar a urna eletrônica, processar justificativas e conduzir os trabalhos de votação. Eles não podem usar camisetas, bótons ou qualquer identificação de partidos ou candidatos no dia da eleição.

Qualquer cidadão maior de idade pode ser convocado para mesário, mesmo não tendo se inscrito como voluntário. As exceções são os candidatos e seus parentes até segundo grau, membros de diretórios executivos de partidos políticos, pessoas que ocupam cargos em confiança no Poder Executivo e funcionários do serviço eleitoral.

 

Editor Stênio Ribeiro

Agência Brasil

Mauro Iasi defende política agrícola para pequenos agricultores

banner_eleições

O candidato do PCB à Presidência da República, Mauro Iasi, defendeu hoje (29) a realização de uma reforma agrária ampla e a consolidação de uma política agrícola que atenda aos interesses dos pequenos agricultores. Segundo ele, os três principais candidatos à Presidência – Dilma Rousseff (PT), Marina Silva (PSB) e Aécio Neves (PSDB) – têm compromissos com a agricultura voltada à exportação e não com os setores comprometidos em produzir alimentos para os brasileiros.

“No Brasil, não basta uma reforma agrária. A questão não é apenas de distribuição de terras, mas a desigualdade de condições que prioriza o agronegócio, com a prioridade da produção de commodities para a exportação. É uma atividade que emprega pouco, altamente predatória, danosa ao meio ambiente e com produtividade baixa.”

Iasi se encontrou, na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), com representantes do Movimento dos Pequenos Agricultores (MPA), que lhe entregaram documento com as principais reivindicações do segmento.

“Eles nos entregaram documento bastante interessante, com avaliação da situação da agricultura camponesa, com uma série de demandas, que iremos avaliar. Mas como já temos uma proximidade bastante grande com a militância do MPA, já havíamos construído uma proposta conjunta que faz parte do nosso programa.”

O candidato disse que os pequenos agricultores estão tendo dificuldades em conseguir linhas de crédito maiores, e defendeu apoio à produção de alimentos no entorno das cidades, diminuindo a distância entre produtores e consumidores, o que garante produtos mais saudáveis, baratos e ambientalmente sustentáveis.

“A agricultura camponesa está praticamente abandonada pelas linhas de financiamento, e o governo a considera irrelevante do ponto de vista econômico. A nossa visão é combinar, numa reformulação do modelo agrícola, a priorização da produção de alimentos com uma política de abastecimento. Os cinturões verdes em torno das cidades são essenciais, visando à oferta popular.”

Nesta terça-feira (30), Iasi participa de debate na Associação de Professores da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, e na quarta-feira (1º), de encontro no Diretório Central de Estudantes da Universidade de São Paulo.

 

Editor Stênio Ribeiro

Agência Brasil

Bancários de São Paulo entram em greve a partir de amanhã

Bancários de todo o país entrarão em greve a partir de amanhã (30) por tempo indeterminado. Segundo o Sindicato dos Bancários de São Paulo, Osasco e Região, a greve deve paralisar grande parte das 2.980 agências de base do sindicato, nesta terça-feira.

Os trabalhadores reivindicam reajuste de 12,5%, sendo 5,8% de aumento real. Eles também pedem valorização dos vales refeição e alimentação e melhores condições de trabalho, com o fim das metas abusivas. Já os bancos propõem reajuste de 7,35%, com ganho real de 0,94%. Os bancários consideraram a proposta insuficiente e decidiram, por meio de assembleias, iniciar a greve.

Durante a paralisação, informou o sindicato, os caixas de autoatendimento continuam funcionando normalmente para atender o público bancário.

Em todo o país, segundo a entidade, há cerca de 512 mil bancários. Do total, 142 mil trabalham na capital paulista, Osasco e região metropolitana da capital paulista.

 

Editor Stênio Ribeiro

Agência Brasil

CMN facilita aplicações de estrangeiros no mercado financeiro nacional

Os investidores estrangeiros terão facilidade, a partir do próximo ano, para aplicar recursos no mercado financeiro e de capitais brasileiro. O Conselho Monetário Nacional (CMN) aprovou hoje (29) resolução que autoriza não residentes no país a usar contas mantidas no Brasil para fazer aplicações. Eles também poderão emitir ordem de pagamento do exterior, em reais.

Até agora, apenas empréstimos e financiamentos no exterior e investimentos diretos (vinculados à geração de empregos) contavam com a possibilidade. Os aplicadores internacionais precisavam converter moeda estrangeira em reais para investir no mercado financeiro nacional. A mudança está prevista para entrar em vigor em 2 de março de 2015.

A resolução também autoriza companhias estrangeiras que lancem certificados de depósitos na Bolsa de Valores brasileira e companhias brasileiras que façam o mesmo nas bolsas do exterior a usarem quaisquer valores mobiliários para lastrear os instrumentos chamados depositary receipts (DR). Até agora, os DR podiam estar atrelados apenas a ações. Pela nova regra, os títulos emitidos pelas empresas – como debêntures e letras financeiras – também poderão servir de base para esses tipos de depósito.

Segundo o Banco Central (BC), as mudanças pretendem simplificar procedimentos e dar maior clareza às regras. De acordo com o órgão, as alterações contribuem para reduzir custos e aumentar a segurança jurídica das aplicações financeiras de estrangeiros no país. O BC e a Comissão de Valores Mobiliários precisarão emitir normas adicionais até março, quando as novas regras entrarem em vigor.

Editor Stênio Ribeiro

Agência Brasil

Auditoria na Santa Casa de SP revela dívida de mais de R$ 433 milhões

Uma auditoria feita na Santa Casa de Misericórdia de São Paulo e divulgada hoje (29), em São Paulo, revelou que a instituição tinha, até o final do ano passado, uma dívida de R$ 433,5 milhões. Em 2009, a dívida era R$ 146,1 milhões. Já o prejuízo da instituição passou de R$ 12,8 milhões em 2009 para R$ 167,9 milhões em 2013.

Segundo o relatório feito por uma comissão técnica formada por representantes da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo, Ministério da Saúde, Secretaria Municipal de Saúde de São Paulo e Conselho Estadual de Saúde, se a Santa Casa fosse uma empresa, “estaria à beira da falência”. “A instituição encontra-se em situação extremamente drástica, com indícios de falhas graves de gestão e evidente deterioração financeira”, diz o documento.

O relatório apontou que o patrimônio líquido da Santa Casa de São Paulo, que corresponde ao capital disponível com exceção dos imóveis, despencou 98,5% no período analisado, passando de R$ 220,3 milhões em 2009 para R$ 323 mil em 2013.

Em julho deste ano, a Santa Casa, que é o maior centro de atendimento filantrópico da América Latina, fechou o pronto-socorro e suspendeu as cirurgias eletivas e os exames laboratoriais, o que afetou em torno de 6 mil pessoas. Um dia depois de ter anunciado o fechamento, a Santa Casa reabriu o seu pronto-socorro e retomou os atendimentos.

Procurada pela Agência Brasil, a assessoria de imprensa da Santa Casa não foi encontrada para comentar sobre o resultado da auditoria. 

* Com informações da TV Brasil 

Editor Fábio Massalli

Agência Brasil

Comissão de Ética prorroga prazo para Petrobras dar informações sobre Cerveró

A Comissão de Ética Pública da Presidência da República vai solicitar novamente informações à Petrobras sobre o processo de compra da Refinaria de Pasadena, nos Estados Unidos. Segundo o presidente da comissão, Américo Lacombe, a estatal não respondeu aos ofícios da comissão, e por isso será novamente notificada e terá mais dez dias caso queira se manifestar sobre a eventual “sonegação de dados relevantes”, por parte do ex-diretor da Área Internacional da empresa Nestor Cerveró, em parecer sobre a aquisição que elaborou para o Conselho de Administração da estatal.

De acordo com Lacombe, o ofício não contém um conjunto de perguntas, somente um pedido de informações sobre as notícias veiculadas na mídia sobre o caso. Ele disse que, se não houver resposta, a comissão pode fechar o processo sem as informações da estatal. “Temos que dar toda chance de a Petrobras informar o que ela quiser, não podemos violar o direito. A partir das informações, o relator vai ver o que ele pode fazer”, disse o presidente.

Na reunião desta segunda-feira (29), o colegiado também decidiu aplicar censura ética ao diplomata Michael Francis de Maya Monteiro Gepp, que era embaixador do Brasil em São Vicente e Granadinas. Segundo Lacombe, ele foi acusado de assédio sexual por uma funcionária da embaixada e, de acordo com as apurações, foi verificada a falta ética. Como o embaixador já foi exonerado do cargo, a Comissão de Ética optou pela abertura de processo administrativo disciplinar no Ministério das Relações Exteriores. De acordo com o presidente, o caso não deve voltar ao colegiado.

Editor Juliana Andrade

Agência Brasil

CMN autoriza produtores de açúcar a contratar crédito para armazenagem

O Conselho Monetário Nacional (CMN) autorizou hoje (29) os produtores rurais e cooperativas que produzem açúcar a contratar financiamentos por meio do Programa para Contrução e Ampliação de Armazéns (PCA).

Segundo nota divulgada pelo Ministério da Fazenda, o objetivo é que os produtores possam expandir a capacidade de armazenagem do produto. O volume de recursos destinado ao PCA na safra 2014/2015 é R$ 3,5 bilhões.

O CMN também decidiu permitir que a instituição financeira que rege o Fundo Constitucional do Centro-Oeste (FCO) contrate operações de crédito de investimento via Programa Nacional de Apoio ao Médio Produtor Rural (Pronamp). Isso porque os recursos do FCO Rural para 2014, orçados em R$ 2,2 bilhões, são insuficientes para a demanda na região. A autorização vale até 28 de fevereiro de 2015.

Por fim, o colegiado definiu encargos para operações de crédito em situação de inadimplência, contratadas com recursos dos fundos constitucionais de financiamento do Norte (FNO), Nordeste (FNE) e Centro-Oeste (FCO).

O CMN estabeleceu cobrança dos encargos normais, acrescidos de juros de mora de 1% ao ano. Determinou ainda cobrança de multa de 2% sobre o valor em atraso. As mesmas regras valem para operações contratadas ao amparo do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) sem bônus de adimplência ou rebate (abatimento da dívida).

No caso de operações do Pronaf com bônus de adimplência ou rebate, serão cobrados juros normais, sem aplicação desses benefícios. Não haverá cobrança de multa e juros de mora. A resolução pode ser aplicada a operações formalizadas até 30 de setembro de 2014, a critério da instituição financeira e concordância do mutuário.

 

Editor Stênio Ribeiro

Agência Brasil

Conselho mantém TJLP em 5% ao ano, menor nível da história

Pelo oitavo trimestre consecutivo, a Taxa de Juros de Longo Prazo (TJLP) foi mantida em 5% ao ano, o menor nível da história. O índice, usado nos financiamentos concedidos pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), foi definido hoje (29) pelo Conselho Monetário Nacional (CMN).

A cada três meses, o CMN fixa o nível da taxa para o trimestre seguinte. O conselho é composto pelos ministros da Fazenda, Guido Mantega, e do Planejamento, Miriam Belchior, e pelo presidente do Banco Central, Alexandre Tombini.

De junho de 2009 a maio de 2012, a TJLP permaneceu em 6% ao ano. A taxa foi reduzida para 5,5% em junho de 2012 e para 5% em dezembro do mesmo ano, como medida de estímulo à economia.

Criada em 1994, a taxa é definida como o custo básico dos financiamentos concedidos ao setor produtivo pelo BNDES. De acordo com o Ministério da Fazenda, o valor da TJLP leva em conta dois fatores: meta de inflação, atualmente em 4,5%, mais o risco Brasil, indicador que mede a diferença entre os juros dos títulos brasileiros no exterior e os papéis do Tesouro norte-americano, considerados o investimento mais seguro do mundo.

Editor Juliana Andrade

Agência Brasil

Detento foge da prisão vestido de mulher, se arrepende e volta para o presídio

Um detento se vestiu com roupas de mulher antes de fugir do Conjunto Penal de Feira de Santana, no centro norte baiano, neste domingo (28).

Mas nesta segunda-feira (29), ele se arrependeu e decidiu voltar para o presídio.

Feira de Santana: Detento foge da prisão vestido de mulher, se arrepende e volta a presídio

Detento fugiu no domingo e voltou nesta segunda-feira.(Foto:Divulgação)

De acordo com o diretor do Conjunto Penal, Edmundo Memeri Dummet, Paulo da Silva Alves, 27 anos, foi preso há cerca de uma semana por tentativa de roubo e levado para a enfermaria após apresentar problemas de saúde. “No momento em que o auxiliar de enfermagem saiu para jantar, ele aproveitou esse intervalo e conseguiu arrombar o cadeado da cela dele, tirou o ar-condicionado da sala da administração da ala hospitalar e pulou o muro, aproveitando as roupas que tinha dentro da sala de administração, como uma blusa de mulher, uma bermuda e foi embora”, contou o diretor ao site Acorda Cidade.

Segundo Dummet, a fuga foi notada cerca de 40 minutos depois pelo enfermeiro. Agentes da Polícia Militar chegaram a organizar uma busca, mas não conseguiram encontrar o fugitivo. Para o diretor, Paulo decidiu voltar por causa dos problemas de saúde. “Ele estava com um processo nos rins, com bastante dificuldade de urinar, estava com uma sonda, quase com necessidade de fazer hemodiálise, tinha ido pra hospital e tinha sido liberado. Ele sabia que não ia ter atendimento médico do lado de fora. O atendimento médico que ele estava tendo aqui no presídio é que estava salvando a vida dele. Então ele preferiu a vida à liberdade”, avaliou.

UBAITABA.COM – Sempre Atualizado. » GIRO DE NOTÍCIAS

Sequestrador usou revólver e explosivo falsos em hotel

O sequestrador que invadiu o hotel Saint Peter no centro de Brasília e manteve um funcionário como refém por mais de sete horas se entregou às 16h desta segunda-feira (29), segundo a polícia. O autor foi levado à 5ª Delegacia de Polícia, na Asa Norte.

 Sequestrador usou revólver e explosivo falsos em hotel

O refém deixou o hotel em um carro de polícia e passou despercebido por hóspedes e curiosos que acompanhavam o caso na rua em frente. Segundo a polícia, o funcionário foi direto para casa acompanhado da esposa. Ele estava calmo e não precisou de atendimento médico.

Segundo a polícia, a arma e os cilindros amarrados à cintura do refém não continham material explosivo. Segundo o comandante do Esquadrão de Bombas da Polícia Militar do Distrito Federal, capitão Lúcio Flávio Teixeira Júnior, o material era composto por canos de PVC recheados com massa epoxi, serragem e terra.

Um helicóptero da Polícia Civil sobrevoava o hotel no momento em que as negociações terminaram. Segundo o delegado Paulo Henrique Almeida, o homem teria solicitado uma bandeira do Brasil para usar sobre os ombros no momento da rendição, mas se entregou com medo de ser alvejado pelos policiais. “Ele percebeu que a única saída era a rendição. Graças a Deus a vítima está bem.”

O homem pode ser indiciado por cárcere privado, cuja pena é de um a três anos de reclusão. Dependendo do resultado da perícia, ele pode ser indiciado por outros crimes – se a suposta dinamite no colete do mensageiro do hotel forem verdadeiros, por exemplo, ele vai responder por posse de material explosivo, cuja pena vai de três anos a seis anos de prisão.

Minutos antes de se entregar, o homem apareceu na sacada do prédio com um dos punhos unido por algemas ao braço do refém. O funcionário já aparecia sem o colete com suposta carga de dinamite, que havia sido amarrado ao refém ainda no início da manhã. A esposa do refém e uma madrinha do sequestrador acompanhavam as negociações no espaço em frente à entrada do hotel.

Atiradores de elite da Polícia Civil foram posicionados em áreas estratégicas no início da tarde e aguardavam autorização para atirar. “Temos 98% de certeza de que são explosivos”, disse o delegado durante a negociação. Se confirmado o teor da carga, o volume de dinamite teria capacidade para danificar a estrutura do hotel, segundo a polícia. G1

UBAITABA.COM – Sempre Atualizado. » GIRO DE NOTÍCIAS

[Maraú] Educação para na próxima quinta-feira (02)

Cartazes dos manifestantes em 2013

Cartazes dos manifestantes em 2013

A APLB Sindicato comunicou através de seu perfil no facebook que os servidores municipais da educação em Maraú estarão paralisando suas atividades na próxima quinta-feira dia 02. A categoria cobra os direitos sumariamente removidos em outubro de 2013 e que ainda não foram devolvidos conforme prometido pelo Secretário Municipal de Educação Cláudio Bidú. Além disso o pessoal de apoio da educação, o chamado Fundeb 40%, requer o pagamento dos avanços horizontais não pagos.

A concentração dos servidores deverá acontecer na manhã da quinta-feira em frente ao Colégio Municipal Dr. Antenor Lemos.

O problema da educação marauense surgiu em outubro 2013 quando a Prefeita Gracinha Viana enviou, às pressas, ao legislativo municipal um projeto de lei que retirou todos os direitos adquiridos por professores e demais servidores da pasta. O fato gerou grande indignação, greve e grandes manifestações nas sessões plenárias da Câmara Municipal.

O pretexto para a atitude tão drástica foi o equilíbrio das contas municipais que estariam em déficit. O mesmo esforço, contudo, não foi observado pela gestora para reduzir os altíssimos salários e vantagens pagos aos servidores em cargos de comissão que foram criados a “toque de caixa” em janeiro de 2013 no início de sua gestão.

Dólar fecha no maior valor em seis anos e ultrapassa R$ 2,45

Depois de uma sessão turbulenta, o dólar fechou no maior valor em seis anos. O dólar comercial encerrou o dia vendido a R$ 2,456, com alta de 1,64%. A cotação atingiu o valor mais alto desde 9 de dezembro de 2008, poucos meses após o início da crise econômica nos Estados Unidos. Na ocasião, o câmbio tinha fechado em R$ 2,471.

Na máxima do dia, por volta das 9h20, o dólar chegou a atingir R$ 2,477. Apenas em setembro, a cotação acumula alta de 9,68%. No ano, o aumento chega a 4,17%.

A Bolsa de Valores de São Paulo também teve um dia conturbado. O índice Ibovespa encerrou o dia em 54.625 pontos, com recuo de 4,52%, a maior queda diária desde setembro de 2011 e a menor pontuação desde julho. Somente as ações da Petrobras, as mais negociadas na bolsa, caíram 10,65% hoje (29).

Mais cedo, o ministro da Fazenda, Guido Mantega, atribuiu a instabilidade no mercado financeiro ao quadro internacional. Segundo ele, nas últimas semanas tem havido volatilidade maior por causa da perspectiva de aumento da taxa de juros a partir de 2015 pelo Federal Reserve, Banco Central norte-americano, e de turbulências internas em vários países.

Ao comentar o Relatório Trimestral de Inflação, divulgado hoje, o diretor de Política Econômica do Banco Central, Carlos Hamilton Araújo, disse que a intensidade do repasse da variação da moeda norte-americana para a inflação é bem menor do que há dez anos. Para ele, o baixo crescimento da economia pode conter o efeito da alta do câmbio sobre os preços internos.

Editor Stênio Ribeiro

Agência Brasil

Teleférico do Morro da Providência, no Rio, ainda opera em horário reduzido

O teleférico do Morro da Providência, que liga a Central do Brasil à Gamboa e à Praça Américo Brum, região portuária do Rio de Janeiro, ainda não opera em horário integral. O serviço foi inaugurado pela prefeitura há quase três meses, no último dia 2 de julho, com a promessa de entrar em funcionamento total no início deste mês, o que não ocorreu. Atualmente, os horários de funcionamento são das 9h às 11h e das 14h às 16h, nos dias úteis; e das 9h às 12h, aos sábado e domingos.

De acordo  com a Companhia de Desenvolvimento Urbano do Porto do Rio de Janeiro (Cdurp), que administra o equipamento, “o Teleférico da Providência ainda opera em estado de comissionamento, o que quer dizer que permanece em fase de testes e treinamento. Ainda são necessários ajustes para ampliar o horário de funcionamento”, informou a companhia.

A prefeitura do Rio informou que  o objetivo da construção do teleférico foi viabilizar a vida dos moradores da região, ajudando-os a economizar, pois o serviço é gratuito e tem capacidade de transportar até mil passageiros por hora. Para Maria Helena, 47 anos, que trabalha na associação de moradores da comunidade, o teleférico ajuda, mesmo com o horário reduzido.

“O teleférico veio para ajudar, mas antes só funcionava pela manhã. Neste mês, o funcionamento passou a ser no horário da tarde também. Isso ajuda as mães que precisam levar seus filhos à escola”, disse.

Segundo a Cdurp, o horário de funcionamento integral do teleférico será das 6h às 21h, nos dias úteis; das 7h às 19h, aos sábados; e das 9h às 18h, nos domingos e feriados. Porém, a companhia não deu previsão para que estes horários de funcionamento sejam iniciados.

Editor Fábio Massalli

Agência Brasil

Diretor defende autonomia técnica do Banco Central

O diretor de Política Econômica do Banco Central (BC), Carlos Hamilton Araújo, defendeu hoje (29) a autonomia da autarquia, definida em lei. “Do ponto de vista estritamente técnico, a teoria macroeconômica, amparada pela evidência internacional, indica que o ambiente institucional, que contempla autonomia legal para conduzir a política monetária [definição da taxa básica de juros, a Selic], traz ganhos para as economias dos países que adotam. Do ponto de vista estritamente técnico, sou favorável à autonomia legal,”, ressaltou.

No último dia 18, o diretor de Fiscalização do BC, Anthero Meirelles, disse que o BC trabalha com autonomia operacional. Meirelles lembrou que está na diretoria do Banco Central há sete anos e que já participou de mais de 50 reuniões do Comitê de Política Monetária (Copom), responsável pela definição da taxa Selic. “O Banco Central funciona com autonomia operacional. Todas as decisões que tomei foram com minha consciência”, observou, ressaltando que nunca recebeu sugestão para tomar decisões. “O trabalho do Banco Central precisa de autonomia operacional, mas não vou entrar na discussão sobre a necessidade de [isso] estar na lei”, enfatizou.

A discussão sobre a autonomia do Banco Central é um dos temas do debate entre os candidatos à Presidência da República. A candidata do PT à reeleição, Dilma Rousseff, disse que não “acha necessária” e criticou propostas que defendem autonomia técnica da instituição, sem o controle do governo e do Congresso Nacional.

Já a candidata do PSB, Marina Silva, defende a autonomia do BC, para garantir que o país recupere a credibilidade e volte a crescer.

 

Editor Armando Cardoso

Agência Brasil

Posto da PM é o 11º alvo de onda de ataques em Santa Catarina

Um posto da Polícia Militar (PM) em Florianópolis foi o 11º alvo da onda de ataques que vêm ocorrendo desde a última sexta-feira (26) na capital de Santa Catarina e região metropolitana. Segundo o Centro de Comunicação da PM, por volta das 15h, o 4º batalhão, no bairro do Itacuribi, próximo ao centro da capital catarinense, foi alvo de disparos. A Polícia Civil tenta identificar os autores.

Devido à série de ataques, a cúpula de segurança do estado vai se reunir na tarde de hoje (29) para analisar a situação. A principal linha de investigação considera que a ordem dos ataques tenha partido de dentro de presídios do estado, onde atua a facção Primeiro Grupo Catarinense (PGC). Os ataques, inclusive à casa de policiais, pode ter sido motivado, segundo a Polícia Civil, à intensificação das ações no combate ao crime, com a morte de suspeitos em confrontos.

De acordo com a PM, na última sexta-feira (26), no município de São José, na região metropolitana de Florianópolis, três homens, sendo dois menores de idade, incendiaram um ônibus depois de render o motorista. No sábado, na cidade de Palhoça, dois homens queimaram um coletivo depois de mandarem cerca de 20 passageiros descerem do veículo. Eles, segundo a PM, disseram que o ataque era de responsabilidade PGC.

Ontem (28), houve ataques a tiros a um posto de gasolina, à casa de dois policiais militar e à guarida da Secretaria de Segurança Pública, todos no município de São José, também na região metropolitana da capital catarinense. No mesmo dia, conforme boletim da PM, um ônibus foi incendiado quando chegou ao ponto final, no bairro Serraria, também em São José. Cerca de dez suspeitos, três deles identificados pelo motorista, participaram da ação.

Ainda no domingo, dois homens em uma moto quebraram o vidro e arremessaram um coquetel molotov em chamas contra um microônibus, utilizado para transportar escolar, que estacionado em frente à casa do motorista, no município de Tijucas. O motorista conseguiu conter as chamas. De acordo com a polícia, os autores do crime abandonaram a moto e entraram em um carro vermelho.

No final da noite de ontem, no bairro Saco dos Limões, em Florianópolis, três homens atearam fogo em outro ônibus depois de render o condutor. No município de Palhoça, homens em uma moto efetuaram cinco disparos contra uma base da PM, utilizada como ponto de apoio das guarnições.

Editor Fábio Massalli

Agência Brasil

Mortes de imigrantes aumentaram 70% neste ano, de acordo com a ONU

A imigração está diretamente ligada à morte de 40 mil pessoas desde o ano 2000 em todo o mundo. A estatística foi divulgada nesta segunda-feira (29) pela Organização Internacional para Imigração (IOM, na sigla em inglês), em reunião no escritório das Nações Unidas, em Genebra, na Suíça.

De acordo com o relatório Jornadas Fatais: Rastreando Vidas Perdidas Durante a Imigração, 4.077 imigrantes morreram de janeiro a setembro de 2014, um aumento de 70% em relação a todo o ano de 2013 (2.400 vítimas). As traiçoeiras rotas de imigração do Mar Mediterrâneo respondem por grande parte das mortes: 3.072 (75%). Em seguida vêm o leste da África (251 mortes), a fronteira entre o México e os Estados Unidos (230 mortes) e o Golfo de Bengala, no Oceano Índico (205 mortes).

A Europa é o destino mais perigoso para imigrantes ilegais. Mais de 22 mil pessoas morreram desde 2000, sendo 4 mil no período de 2013 até agora. Apesar do perigo, cresce o número de imigrantes que cruzam o Mar Mediterrâneo em busca de abrigo em solo europeu. O relatório relembra a morte de 360 imigrantes africanos provenientes da Eritreia e da Somália, em outubro de 2013, que naufragaram ao tentar alcançar a Ilha de Lampedusa, na Itália.

A fronteira entre México e Estados Unidos é citada no relatório como uma região crítica, onde 6 mil imigrantes perderam a vida desde 2000, tentando entrar ilegalmente no país norte-americano. Mas as estatísticas apontam tendência de redução do número de vítimas.

Os dados estatísticos para a produção do relatório são coletados junto a governos e agências. Segundo o chefe do Departamento de Pesquisa da IOM, Frank Laczko, os números podem ser ainda maiores. “Apesar do grande volume de recursos gastos na coleta de dados sobre imigração e controle das fronteiras, poucas agências reúnem e publicam dados sobre mortes de imigrantes”, disse ele. Além disso – enfatizou Laczko – muitas mortes acontecem em regiões remotas, e nunca são registradas.

Para o diretor-geral da IOM, William Lacy Swing, é tempo de fazer mais do que contar as vítimas. “É hora de o mundo se engajar para acabar com essa violência contra imigrantes desesperados”, salientou.

 

Editor Stênio Ribeiro

Agência Brasil

Comissão Nacional da Verdade recebe até amanhã sugestões para relatório final

As pessoas interessadas em enviar sugestões para o relatório final da Comissão Nacional da Verdade (CNV)  têm prazo até amanhã (30) para mandar as contribuições. Isso pode ser feito por meio de um formulário na internet. Desde 11 de agosto, a CNV está recebendo as sugestões, que constarão de um capítulo específico do relatório.

Além de apurar as circunstâncias das graves violações de direitos humanos ocorridas no país entre 1946 e 1988, a CNV tem o papel de recomendar ao Estado e à sociedade brasileira mudanças de legislação, regulamentos e instituições com o intuito de fortalecer o regime democrático e evitar a repetição de tais atos.

A conclusão dos trabalhos da comissão está prevista para 10 de dezembro com a entrega do relatório final.

Editor Nádia Franco

Agência Brasil

Aécio começa a divulgar programa de governo nas redes sociais

banner_eleições

O candidato do PSDB à Presidência da República, Aécio Neves, começa a apresentar hoje (29), nas redes sociais, seu programa de governo, que tem uma premissa – as liberdades individuais e coletivas – e quatro eixos: a sustentabilidade, o Estado brasileiro, a cidadania, e o desenvolvimento econômico.

“Nosso programa é para ser aplicado, estamos falando de propostas exequíveis”, disse Aécio. Segundo ele, o programa, que será divulgado gradativamente, não trará surpresas, pois grande parte já foi apresentada, principalmente para a Região Nordeste do país. “Inclusive com metas muito claras, de em oito anos reduzir em 30% a criminalidade, e em oito anos permitir que a média de educação do Nordeste atinja a meta nacional.”

Em campanha em São Bernardo do Campo, no ABC paulista, ele anunciou também que, se for eleito, vai rever os subsídios fiscais atualmente concedidos pelo governo federal. “Vamos discutir todos os subsídios. Aqueles que tiverem efeito, que forem positivos para a vida do trabalhador, têm de ser mantidos”, afirmou Aécio, em resposta a jornalistas que queriam saber se manteria os subsídios à indústria automobilística, que tem forte presença na região do ABC Paulista.

Aécio ressaltou que, em seu governo, a concessão de subsídios não será como hoje, quando “alguns amigos do poder são beneficiados, enquanto são penalizados o trabalhador, o cidadão, a cidadã. Em seguida, o presidenciável fez uma caminhada pela Rua Marechal Deodoro, no centro da cidade.

Editor Nádia Franco

Agência Brasil

Em Barueri, 18 pessoas apresentam problema de visão após cirurgia

Dezoito pessoas com mais de 60 anos apresentaram problemas no olho após um mutirão para catarata no Hospital Municipal de Barueri, na Grande São Paulo, ocorrido no dia 6 de agosto. A informação foi confirmada pela própria prefeitura da cidade.

Segundo a prefeitura, 18 de 20 pacientes que se submeteram à cirurgia estão sendo analisados para avaliar se poderão ficar cegos de um olho. Caso seja confirmado ou eles apresentem algum outro comprometimento no olho operado, os pacientes poderão ser encaminhados para um transplante de córnea. “Cabe ressaltar que estes pacientes estão sendo avaliados e que, até o momento, apresentam quadro de baixa visão e não de cegueira como foi veiculado”, diz a prefeitura.

O órgão informou que os 18 pacientes começaram a apresentar dor intensa logo após o procedimento. Em doze deles, o quadro evoluiu para Síndrome Tóxica do Segmento Anterior (Tass), uma complicação rara que pode ser causada por medicamentos, materiais cirúrgicos, talco de luvas ou lubrificante de lente, entre outros.

De acordo com a administração municipal, o médico responsável pelas cirurgias comunicou o episódio ocorrido ao hospital e aguarda a apuração dos fatos e laudos conclusivos do que possa ter levado aos problemas apresentados pelos pacientes que “poderão vir a ser acometidos de cegueira parcial, uma vez que só se opera um olho por vez”.

A Secretaria de Saúde de Barueri informou, por meio de nota, que está tomando “todas as providências cabíveis” para apurar o que ocasionou o problema. “É igualmente importante que fique claro que são muitas as variáveis que podem ter levado ao lamentável problema ocorrido e que, por esta razão, é fundamental investigar todas as variáveis existentes, que vão desde problemas relacionados ao anestésico até o próprio material cirúrgico (como o pó encontrado nas luvas cirúrgicas), dentre outras”, informaram assessores da secretaria. De acordo com o órgão, todas as instâncias competentes já foram acionadas para investigar o caso.

A Pró-Saúde, que é uma Organização Social de Saúde (OSS) e administrava o hospital até o final de agosto, disse que uma sindicância interna foi instaurada e está sob responsabilidade da Secretaria Municipal de Saúde de Barueri. Segundo a organização, o Conselho Regional de Medicina irá avaliar a conduta do médico e a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) irá analisar os medicamentos e materiais utilizados nas cirurgias.

A catarata é a alteração do cristalino, uma das principais lentes do olho, onde a imagem é focalizada. Com o envelhecimento, essa lente fica mais opaca provocando dificuldades para a chegada da luz à retina, fazendo a visão diminuir. A doença é mais comum a partir dos 60 anos.

Segundo o Ministério da Saúde, a cirurgia da catarata, que pode ser feita no Sistema Único de Saúde (SUS) e na rede particular, consiste em colocar uma lente, que é um novo cristalino artificial, como se fosse uma prótese no olho. O índice de recuperação satisfatória chega a 90% dos casos, informou o ministério em seu site. 

Editor Marcos Chagas

Agência Brasil